terça-feira, 11 de outubro de 2011

Após polêmica, Caixa troca ator que interpreta Machado de Assis



Reprodução
Comercial da Caixa com o ator branco, e agora com o negro

DE SÃO PAULO

A Caixa Econômica Federal começou a veicular ontem uma nova peça publicitária em que mostra Machado de Assis (1839-1908) interpretado por um ator negro.
O comercial foi "corrigido" após a polêmica gerada por um versão anterior, retirada do ar em setembro, em que o escritor era interpretado por um ator branco.
O fato havia sido alvo de protestos e reclamações entre telespectadores, pois o escritor não era branco.
A campanha publicitária comemora os 150 anos da Caixa e mostra a história de Machado, que teria sido correntista do banco. O comercial original foi criticado até mesmo dentro do governo.
De acordo com a Caixa, a nova peça publicitária foi encomendada assim que se detectou o erro. Na ocasião, o banco afirmou que não haveria custo extra pela correção.
A Seppir (Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial), quando soube do erro no comercial, redigiu um comunicado em que se referiu à propaganda como uma "uma solução publicitária de todo inadequada".
"A Seppir entende que, em respeito a sua contribuição na valorização da diversidade brasileira, a Caixa deve corrigir a produção deste vídeo, reconhecendo o equívoco", informou, em nota.
Após a retificação da Caixa, a Seppir afirmou que o banco se desculpou pela "caracterização inadequada" e informou que retirou a peça do ar e do site da instituição.

Nenhum comentário: