sábado, 11 de junho de 2011

Humala fará "revolução pacífica" no Peru, afirma ex-presidente Lula

DE SÃO PAULO -

O ex-presidente Lula disse ontem que o presidente eleito do Peru, Ollanta Humala, fará uma "revolução pacífica" em seu país.
Ele sugeriu que o aliado imitará programas sociais de seu governo, como o Bolsa Família, e convidou uma jornalista peruana a entrevistar a ministra Tereza Campelo (Desenvolvimento Social) sobre o tema.
"Você vai ter um retrato fiel do que vai acontecer no Peru", justificou o petista.
Lula disse que também contrariou o mercado financeiro ao se eleger, em 2002, e afirmou que os investidores devem "parar de desconfiança" com o novo presidente.
Os dois se encontraram ontem num hotel em São Paulo. Humala agradeceu o apoio e elogiou as políticas sociais de Lula, mas disse que não pretende "copiar projetos de outros países" em sua gestão.

Folha de São Paulo, 11/06/2011

Nenhum comentário: