quarta-feira, 22 de junho de 2011

Coreano é eleito para mais 5 anos à frente da ONU

DIPLOMACIA
DAS AGÊNCIAS DE NOTÍCIAS -

O secretário-geral das Nações Unidas, o coreano Ban Ki-moon, 67, foi eleito ontem por unanimidade para mais um período de cinco anos no comando da organização, a partir de 1º de janeiro de 2012.
Candidato único, Ban, que sucedeu ao ganense Kofi Annan em 2007, agradeceu aos 192 Estados-membros da ONU pela "grande honra" e pela "confiança" depositada nele.
Normalmente, os secretários-gerais da ONU cumprem dois mandatos de cinco anos. A exceção recente é o egípcio Boutros Boutros-Ghali, que ficou no cargo por apenas um período, até 1996, e saiu dele por pressão dos EUA, que criticaram sua atuação durante a Guerra da Bósnia.
Ban é visto por Washington como aliado. A embaixadora norte-americana na ONU, Susan Rice, elogiou a reeleição: "É um dos empregos mais difíceis do mundo, e ninguém entende o peso do cargo melhor do que ele", comentou.

Folha de São Paulo, 22/06/2011

Nenhum comentário: