terça-feira, 10 de maio de 2011

Celebrar a morte é feio, mas humano.

Para especialista, a alegria pelo fim de Bin Laden foi uma manifestação de alívio pela derrota de um inimigo ameaçador.

Estadão, 10/05/2011

Baixe e leia a reportagem completa: clique aqui

Nenhum comentário: